domingo, 28 de agosto de 2011

o furacão alice - #1

Hi!

Lewis Carroll
Uma menininha loira, com vestes azul celeste e expressão curiosa. Um coelho apressado. Um chapeleiro maluco. Com todos esses elementos, é impossível não saber de cara do que se trata o post de hoje (e provavelmente o seguinte). O assunto agora é Alice no País das Maravilhas, um dos clássicos infantis mais antigos de todos os tempos. Alice é inglesa e "nasceu" em julho de 1862, durante um passeio pelo rio Tâmisa. A mente brilhante de Charles Lutwodge Dodgson deu vida à garotinha esperta, e ao mundo de fantasias que, mal sabia Dodgson, iria encantar muitas gerações. Antes que você se pergunte sobre o autor, devemos saber que Charles Lutwodge Dogson é o nome verdadeiro de Lewis Carroll, que preferiu, sabe-se lá porque, usar este pseudônimo. Voltando as origens de Alice, é interessante saber que Alice de fato existiu. Calma, não vá pensar que existiu também uma rainha de copas, um exército de baralhos e uma largata fumante! Acontece que durante este tal passeio durante o rio Tâmisa, Carroll (vamos chamá-lo assim, pra não haver confusão) estava na companhia de três mocinhas muito conhecidas do autor, filhas do vice-reitor da Universidade de Oxford, onde Carroll lecionava. Entre elas, estava Alice Liddell. Para entreter Alice e as irmãs, ele inventou a história de uma menina que após seguir um coelho muito suspeito, acabou indo parar em um mundo fantástico. Alice gostou tanto do conto, que convenceu o autor à escrevê-lo. Dizem que Alice Lideell era uma espécie de musa para Lewis Carroll. Ele era muito próxima da garota,  a conhecia desde os 3 anos de idade, e muitos afirmam que foi ela quem o inspirou para criar a história do País das Maravilhas. Em 1985 o primeiro exemplar da obra foi lançado e a partir daí o furacão Alice espalhou-se, cativando crianças e adultos de todas as idades. O livro de Carroll ainda inspirou inúmeras adaptações para o cinema, fazendo com que as aventuras incríveis da menina ganhassem ainda mais força. Cerca de 23 obras cinematográficas e televisivas foram exibidas no mundo todo, sendo a produção da Walt Disney (1951) uma das mais conhecidas. Em 2010, um novo Alice no País das Maravilhas foi lançado, dessa vez dirigido por Tim Burton. O filme de Burton traz uma nova cara para a história, mas sem perder o encantamento e o tom onírico de Carroll. Dessa vez, Alice está com 19 anos, e após saber que será pedida em casamento, a jovem foge e se depara novamente no mundo encantado que ela visitou quando tinha apenas 6 anos. A adaptação de Burton lotou as salas de cinemas em todo o mundo e prova que mesmo depois de tanto tempo, a magia e o País das Maravilhas continua brincando com o imaginário de crianças e adultos!

Alice Liddell


7 comentários:

  1. É muito legal saber das origens de mundos fantasticos como o Pais das maravilhas, imagino o potencial de visualização e criatividade desses autores, inveja deles, quero ver post do magico de oz heimm fica o pedido meu bem.

    ResponderExcluir
  2. Ahhh.. que legaal... taí uma coisa que eu nunca iria saber.. hahaha..
    Eu particularmente adorei a versão do Tim Burton, mas já ouvi muitas críticas!!

    Beeijoo

    ResponderExcluir
  3. muito interessante esse texto.. Alice no Pais da Maravilhas, o melhor dos clássicos infantis.. :)

    Já estou seguindo*-*

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá, agradeço á você pelo seu comentário em meu blog, sigo o seu também :D

    www.cerejasenvenenadas.com

    ResponderExcluir
  5. Como eu amo Alice no País das Maravilhas, adoro todas as versões de filmes :)

    Volte sempre lá no blog flor, seguindo também :)

    http://sonhoseumdiario.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Agradecendo a visita, já estou seguindo seu blog!
    Beijos!
    Tenha uma ótima semana.

    ResponderExcluir
  7. Olá Lanny!
    Primeiro vim lhe agradecer pela visita e por seguir o blog, já estou seguindo o seu! e bem merecido, pq gostei muito mesmo!
    É muito legal saber as origens das histórias, e elas costumam ser tão simples. Como pensaram em tudo aquilo? Enfim, é a inspiração ^^
    Isso me lembrou a história da origem da história do Peter Pan, acho q é aque reproduzida no filme "Em busca da terra do nunca" que eu acho muito lindo.

    Agradeço mais uma vez! :)
    Abraço
    http://suinguken.blogspot.com/

    ResponderExcluir